O Atlético de Madrid venceu o Levante, por 1 a 0, com gol de Griezmann, em partida da 19ª rodada do Campeonato Espanhol, no estádio Wanda Metropolitano. Em mais um jogo truncado dentro de casa, a equipe comandada por Diego Simeone foi superior, mas sofreu para bater o adversário de meio de tabela.

O único gol da partida foi anotada em cobrança de pênalti do atacante francês, já na segunda etapa, e garantiu a decima vitória do vice-líder do torneio.

Com a vitória, a equipe de Madri segue na caça ao líder Barcelona, agora com 38 pontos somados, contra 40 da equipe catalã, que ainda joga pela rodada, em casa, contra o Eibar às 15h30 (horário de Brasília). Já o Levante se mantém provisoriamente na 11ª posição do Espanhol, com 23 pontos, quatro a mais que o Rayo Vallecano, primeira equipe na zona de rebaixamento.

Começo polêmico

O primeiro tempo foi marcado pela confusão da equipe de arbitragem comandada por Pietro Iglesias. Logo aos dez minutos, Koke anotou gol após bela enfiada de bola de Vitolo. O lance, porém, foi anulado após revisão do VAR devido a uma falta do volante Rodri no início da jogada. Antes da anulação, o time de Madrid já havia chegado com perigo na área do Levante, em finalização de Griezmann que terminou nas mãos do goleiro Olazábal.

Depois dos primeiros minutos de pressão, a equipe visitante conseguiu inibir as ações do Atlético. Com três zagueiros e uma linha de cinco meio-campistas recuados, o Levante impediu que o Atlético criasse, mas também mal conseguiu trocar passes e propor algum perigo ao vice-líder.

O time da casa só voltou a assustar no fim da primeira etapa. Aos 41 minutos, Vitolo entrou na área livre e cruzou para Correa, o atacante sofreu um contato do defensor do Levante e caiu, mas o árbitro, em mais uma decisão duvidosa, mandou o jogo seguir. Aos 44, Griezmann teve mais outra chance para finalizar dentro da área, após rebote de falta, mas o atacante francês bateu encima da defesa do Levante.

Força ofensiva continua

Após o intervalo, o Atlético repetiu a pressão inicial e mais uma vez se lançou à frente em busca da vitória. Aos nove minutos, o time comandado por Diego Simeone criou a sua principal chance para tirar o zero do placar. Em jogada de Vitolo, o meio-campista cruzou e o volante Vukcevic desviou a bola com o braço dentro da área. Pênalti. Sem precisar da ajuda do VAR. Na cobrança, Griezmann foi preciso e bateu no canto direito alto para marcar. O gol foi o nono do camisa 7 no Campeonato Espanhol e o 14º na temporada.

Com a desvantagem no placar, o Levante começou a ceder mais espaço para o time da casa. Aos 21 minutos, Vitolo teve liberdade em contra-ataque para ampliar. O meio-campista carregou a bola até a entrada da área, cortou o marcador, e bateu com perigo, à direita do gol de Olazábal.

Três minutos depois, o Levante teve a primeira das suas duas grande chance na partida para marcar. O atacante Morales fez grande jogada pelo lado direito, entrou na área e fez belo corte no zagueiro Gimenéz, mas finalizou encima de Oblak. Em mais uma boa investida dos visitantes e de Morales, agora aos 35 minutos, o espanhol levou novamente a vantagem sobre o defensor uruguaio, mas dessa vez cruzou. A bola chegou para Enis Bardhi, porém a finalização foi bloqueada.

Fonte:Gazeta Esportiva