A situação de Adrien Rabiot “não é fácil”, afirmou neste sábado o técnico do PSG, Thomas Tuchel, em um momento em que a imprensa especula o grande interesse do Barcelona na contratação do meia, que se recusou recentemente a renovar o contrato com o clube parisiense.

“A situação de Adrian não é fácil, mas por outro lado ele precisa ser profissional, não é a primeira vez que algo assim acontece com um jogador. Estou convencido de que seguirá sendo profissional, ele tem sido até agora”, declarou o técnico alemão do PSG.

“Precisamos esperar, tudo é possível. É uma situação entre o clube e ele. É nosso jogador e está treinando”, continuou Tuchel.

Rabiot, que voltou a treinar com os companheiros de PSG na sexta-feira, foi afastado dos jogos por uma decisão da direção do clube após se recusar a renovar o contrato. Ao fim da atual temporada, o jovem meia de 23 anos poderá sair de graça para outro time.

As imprensas francesa e espanhola especulam sobre o interesse do Barcelona, que teria proposto um contrato a Rabiot no valor de 10 milhões de euros anuais por cinco temporadas, além de um bônus de 10 milhões de euros no ato da assinatura.