Neste sábado, o São Bento se despediu da Série B de 2018, no Estádio Walter Ribeiro, contra o Vila Nova com um empate, garantido nos minutos finais. No embate válido pela 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro, os dois times pressionaram e o gol que igualou o marcador foi anotado por Alan Mineiro aos 48 minutos do segundo tempo.

O primeiro tento deste sábado veio de um pênalti, marcado por Marcelo Cordeiro. O Vila Nova esboçou reação ainda na etapa inicial, mas não conseguiu superar o adversário. Apesar do jogo mais lento no segundo tempo, Mateus Anderson balançou a rede pelos visitantes. O jogo só ficou no empate porque, além da reação de Cordeiro, os torcedores viram um Alan Mineiro forte para deixar tudo igual.

O Tigre entrou em campo apenas para cumprir tabela. A equipe encerrou mais uma temporada em que sonhou com a Série A, mas acabou ficando longe da vaga. O embate também marcou a despedida de Hemerson Maria. O técnico estava à frente do clube desde o início da Série B de 2017

O São Bento, por sua vez, foi desfalcado para o confronto. O goleiro Rodrigo Viana, os zagueiros João Paulo e Douglas Mendes, o meia Celsinho e o atacante Ronaldo já tinham sido dispensados. O lateral Samuel Santos, por sua vez, está lesionado, enquanto o lateral-direito Tony levou o terceiro cartão amarelo e o meia Roni foi expulso na derrota por 1 a 0 para o Atlético-GO, em Goiânia, na última sexta-feira.

O jogo

Neste sábado, o Vila Nova começou pressionando, mas logo viu o São Bento tentar a primeira chegada, respondida pela defesa, que afastou o possível de cruzamento. Mateus Anderson viu uma boa chance em cobrança de escanteio na área dos donos da casa. Wesley Matos até cabeceou, Giaretta fez o desvio e Henal conquistou uma grande defesa, mas partida estava parada em Sorocaba.

Em seguida, Marcelo Cordeiro cobrou escanteio na trave e Diego Giaretta cortou com a mão. O lance rendeu um cartão amarelo e um pênalti. Foi então que o placar foi aberto em chute de Cordeiro, aos 21 minutos. A bola foi para um lado, o goleiro para o outro.

Depois do lance, o São Bento passou a jogar mais recuado, enquanto o Vila Nova explorava a troca de passe. Juninho ainda arriscou perto da área, mas a bola desviou na defesa e ficou com Henal. O Tigre ousou no campo de ataque, levando toda equipe para frente em busca do embate nos minutos finais do primeiro tempo, mas sem sucesso.

Logo no início do segundo tempo, o São Bento manteve a estratégia de trocar passes, enquanto o Vila Nova assistia à partida sem grandes emoções em Sorocaba. Depois disso, os dois times avançaram em busca de gol. De um lado, Francis bateu cruzado e foi parado por Pasinato. Do outro, Mateus Anderson tentou chute por cobertura, mas mandou para fora.

O gol do empate veio quando Mateus Anderson recebeu bom passe e aproveitou falha de marcação rival para balançar a rede. Antes do apito final, Alan Mineiro conseguiu ajeitar e marca de calcanhar para igualar o marcador.

FICHA TÉCNICA
SÃO BENTO-SP x VILA NOVA-GO

Local: Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Data: 24 de novembro de 2018, sábado
Horário: 17h00 (de Brasília)
Árbitro: Edmar Campos Encarnação (AM)
Assistentes: Marcos Santos Vieira (AM) e Uesclei Regison Pereira dos Santos (AM)

Público:1.617 pessoas
Renda: R$ 12.955,00

Cartões amarelos: Diego Giaretta, Maguinho, Washington (Vila Nova)
Gols: SÃO BENTO: Marcelo Cordeiro (pênalti) aos 21 minutos do primeiro tempo e aos 42 do segundo tempo; VILA NOVA: Mateus Anderson, aos 34 do segundo tempo; Alan Mineiro aos 48 minutos do segundo tempo.

SÃO BENTO: Henal; Ewérton Páscoa, Anderson Salles, M. Cordeiro e E. Silva; Fábio Bahia, Dudu Vieira e Paulo Vinícius; Joãozinho e Francis; D. Oliveira
Técnico: Marquinhos Santos

VILA NOVA: Mateus Pasinato; Maguinho, Wesley Matos, Diego Giaretta e Hélder; Washington, Moacir, Mateus Anderson, Alan Mineiro e Juninho; EliasTécnico: Hemerson Maria

Fonte:Gazeta Esportiva